Leitura bíblica - dia 38

Gênesis 38
Se a Bíblia fosse escrita por homens, sem a inspiração divina, não teria exposto honesta e claramente a natureza má do ser humano. Os Judeus voluntariamente exporiam os erros e desgraças dos seus ancestrais? A plena honestidade das Escrituras é um testemunho da sua inspiração.
(Ron Crisp)

Deste estranho capítulo se origina a linhagem messiânica (tribo de Judá). Talvez aqui se aplique o ditado popular que diz que "Deus escreve certo por linhas tortas". Judá se casa com Suá (cananéia) e tem três filhos: Er, Onã e Selá. Eles crescem, Er se casa com Tamar mas morre pouco tempo depois.  Judá então chama Onã para que cumprisse o dever do casamento levirato. Neste caso, o cunhado deveria se casar com a viúva do irmão morto que não tivesse filhos. O primeiro filho desta união levaria o nome do irmão morto [Deuteronômio 25:5-10]. Onã aceita,  porém, "evita" filhos.
Ao interromper a concepção, Onã estava tentando impedir que a linhagem do primogênito tivesse continuidade.  Deus tira a vida de Onã por causa disso!  Tamar acabaria por engravidar do próprio sogro Judá quando o enganou fazendo-se passar por uma prostituta. O próprio Judá a considerou justa por essa atitude, já que vinha adiando o casamento dela com seu outro filho Selá.

Tamar teve filhos gêmeos, Perez e Zerá. Através de Perez a genealogia de Cristo teve continuidade.

Salmos 38
Um salmo de Davi para trazer lembrança. Davi sentiu-se esquecido por seu Deus E, portanto, recontou suas tristezas e clamou fortemente por auxílio nessa situação. O mesmo título é dado ao salmo 70, em que, da mesma forma, o salmista derrama sua queixa diante do Senhor. Seria tolice aventurar uma suposição quanto ao ponto da história de Davi em que este foi escrito; pode ser uma comemoração de sua própria doença e de ter agüentado crueldade; por outro lado, pode ter sido composto para o uso de santos doentes e caluniados, sem referência especial à sua pessoa.

Marcos 11
Jesus entra em Jerusalém montado em um jumentinho, cumprindo a profecia de Zacarias 9:9. Entrando no Templo,  expulsa os que por alí faziam comércio,  lembrando que aquele local deveria ser uma casa de oração. Vendo isso, os religiosos procuravam um jeito de matar a Jesus. Eles tentam fazê-lo cair em algum tipo de contradição.