Leitura bíblica - dia 48

Gênesis 48
José visita seu pai Israel, que já está à beira da morte e já não enxerga direito e se move com dificuldade. Levou seus filhos Manassés e Efraim para serem abençoados pelo avô. Posicionou Manassés, o mais velho, sob a mão direita de Israel e Efraim, o caçula, sob a mão esquerda. Porém, no momento da bênção, Israel cruzou as mãos, dando a bênção principal ao filho mais novo. José tentou corrigir o engano, mas seu pai o advertiu:

"Mas seu pai recusou-se e respondeu: "Eu sei, meu filho, eu sei. Ele também se tornará um povo, também será grande. Apesar disso, seu irmão mais novo será maior do que ele, e seus descendentes se tornarão muitos povos".
(Gênesis 48:19)

Salmos 48
Um cântico e salmo para os filhos de Corá. Um cântico para alegria e um Salmo para reverência. Ai, ai! nem todo canto é um salmo, pois os poetas não são todos nascidos no céu, nem todo salmo é um cântico, pois para chegar diante de Deus temos de pronunciar lamentosas confissões bem como exultantes louvores. Os filhos de Corá ficavam felizes em ter uma seleção tão grande de cantos; o culto no qual essa variedade de música era usada não podia tornar-se monótono, mas devia oferecer um leque amplo para todas as paixões sagradas de almas graciosas.

Lucas 5
Uma multidão se aglomerou na beira da praia para ouvir os ensinamentos de Jesus.  Ele entrou em um barco e de lá falava com o povo de uma melhor forma. Em seguida instruiu a Pedro que conduzisse o barco para águas mais profundas e ordenou aos demais pescadores que jogassem as redes.  Pedro explicou que há pouco tempo atrás, tentaram uma pesca na mesma região, sem sucesso. Desta vez porém, pescaram tantos peixes que o barco quase afundou. Perplexo, Pedro se prostra aos pés de Jesus e diz que não é digno sequer de ficar perto dele.  Jesus responde:

"Não tenha medo; de agora em diante você será pescador de homens". Lucas 5:10)

De fato, observaremos isso quando estudarmos o livro de Atos, capítulo 2, quando uma multidão é convertida por Deus através da pregação de Pedro.