Leitura bíblica - dia 103

Levítico 9
Arão oferece sacrifícios por si e pelo povo,  seguindo meticulosamente os rituais estabelecidos.

"A Glória do Senhor apareceu à todo o povo.  Saiu fogo da presença do Senhor e consumiu o holocausto e as porções de gordura sobre o altar. E, quando todo o povo viu isso, gritou de alegria e prostrou-se rosto em terra."
(Levítico 9:23-24)

Salmos 99
Este salmo pode ser chamado de O SANTÍSSIMO, ou seja, O SALMO SANTO, SANTO, SANTO, pois a palavra "santo" é a conclusão e o refrão de suas três divisões principais. Seu assunto é a santidade do governo divino, a santidade do reinado do Mediador. Parece-nos declarar a santidade do próprio Jeová em Sl 99.1-3; menciona a eqüidade do rei que o Senhor nomeou, como ilustração do amor de santidade do Senhor; ou mais provavelmente descreve o próprio Senhor como sendo o rei, em Sl 99.4-5, e então apresenta o caráter severamente justo dos tratos de Deus com aquelas pessoas favorecidas que em tempos anteriores ele havia escolhido para se aproximarem dele em favor do povo, Sl 99.6-9. É um hino que bem serve aos santos que habitam em Sião, a cidade santa, e especialmente digno de ser cantado reverentemente por todos que, como Davi o rei, Moisés o portador da lei, Aarão o sacerdote, ou Samuel o vidente, têm a honra de liderar a igreja de Deus, e implorar por ela junto ao Senhor dela.
(Charles Spurgeon)

Atos 14
Paulo e Barnabé dividiram a cidade de Icônio entre os que creram em Cristo e os que se juntaram aos religiosos contra o Evangelho.
Eles tiveram que fugir quando souberam que havia uma conspiração de judeus e gentios querendo os apedrejar. Essa fuga proporcionou que o Evangelho fosse pregado em outros lugares. Vemos com isso que Deus usa todo tipo de situação para cumprir os seus propósitos.

Em uma dessas cidades, um paralítico é curado e o povo começa a tratar Paulo e Barnabé como se fossem deuses. Contrariados, eles tentam explicar que eram homens iguais a eles e tentam explicar-lhes o quão absurdas eram suas crenças idólatras. Enquanto isso acontecia, alguns religiosos chegaram e fizeram a cabeça daquele povo contra os dois.  Paulo chegou a ser apedrejado e dado como morto. Mas logo se recuperou e seguiu viagem.

...fortalecendo os discípulos e encorajando-os a permanecer na fé, dizendo: "É necessário que passemos por muitas tribulações para entrarmos no Reino de Deus".
(Atos 14:22)