Leitura bíblica - dia 134

Números 13
Deus ordena a Moisés que envie homens em missão de observação e reconhecimento à terra de Canaã. Líderes de cada tribo são enviados. Constatam que a terra é boa e fértil e como prova trazem um enorme caixo de uvas carregado por dois homens. Um deles, Calebe, propõe que se tome posse da terra.

Números 13:31 - Mas os homens que tinham ido com ele disseram: "Não podemos atacar aquele povo; é mais forte do que nós".

À partir disso, o povo passou a ser pessimista e amedrontado.

Números 13:33 - Vimos também os gigantes, os descendentes de Enaque, diante de quem parecíamos gafanhotos, a nós e a eles".

Salmos 130
Um cântico de peregrinação. É difícil perceber qualquer ascensão do salmo para este, pois talvez os degraus ou avanços estejam no próprio canto: é evidente que ele se eleva rapidamente das profundezas da angústia às alturas da afirmação. É bem apropriado vir logo depois do 129; quando superamos as aflições próprias da condição humana, nos tornamos mais preparados para encontrar as tristezas mais profundas próprias de nossos assuntos com Deus. Quem suportou os flagelos dos maus treinou a paciência para ocupar-se dos procedimentos do Senhor Santo. Chamamos este o SALMO DE PROFUNDIS: "Das profundezas" é sua palavra-chave: daquelas profundezas nós clamamos, aguardamos, vigiamos e esperamos. Neste salmo ouvimos a pérola da redenção, Sl 130.7-8: quem sabe o doce cantor nunca teria encontrado algo de precioso se não tivesse sido lançado nas profundezas. "As pérolas se encontram bem no fundo".
(Charles Spurgeon)

1 Coríntios 1

Pregação de Augustus Nicodemus

Certa vez perguntaram ao ativista indiano Mahatma Gandhi, por que ele não se convertia ao cristianismo.  Ele respondeu: "Qual deles?"

De fato, quando conhecemos diferentes denominações cristãs,  temos a certeza de que são religiões totalmente diferentes, com costumes e tradições distintas. O homem sempre se afasta da Palavra de Deus, acrescentando hábitos e doutrinas não encontradas na Bíblia (ou distorcendo-a).

Não foi essa a orientação do Apóstolo Paulo à igreja de Corínto, que por conta desses desvios doutrinários, passava por problemas:

1 Coríntios 1:10 - Irmãos, em nome de nosso Senhor Jesus Cristo suplico a todos vocês que concordem uns com os outros no que falam, para que não haja divisões entre vocês, e, sim, que todos estejam unidos num só pensamento e num só parecer.