Leitura bíblica - dia 177

Deuteronômio 20

Instruções para a guerra.  Em primeiro lugar,  para confiar em Deus:

Ouvi, ó Israel; vós estais hoje para entrar na peleja contra os vossos inimigos; não se amoleça o vosso coração; não temais nem tremais, nem vos aterrorizeis diante deles, pois o Senhor vosso Deus é o que vai convosco, a pelejar por vós contra os vossos inimigos, para vos salvar.
(Deuteronômio 20:3-4)

Também,  instruções para que não deixem coisas pendentes antes da batalha, para que, no caso de morte, outra pessoa não desfrute do que lhe era de direito.  Por exemplo:

Também qual é e homem que está desposado com uma mulher e ainda não a recebeu? vá, e torne para casa; não suceda que morra na peleja e outro a receba.
(Deuteronômio 20:7)

A seguir,  a instrução para sempre,  antes de uma batalha,  ser proposta a paz.

Se ela te responder em paz, e te abrir as portas, todo o povo que se achar nela será sujeito a trabalhos forçados e te servirá. Se ela, pelo contrário, não fizer paz contigo, mas guerra, então a sitiarás, e logo que o Senhor teu Deus a entregar nas tuas mãos, passarás ao fio da espada todos os homens que nela houver;
(Deuteronômio 20:11-13)

Provérbios 22

16 provérbios.  Leia todos.

Filipenses 4

Os que amam em impureza e perversão e os que buscam apenas o puro gozo, esses não amam e louvam a exclusiva bondade de Deus, mas buscam seus próprios interesses e querem saber apenas até que ponto Deus é bom para eles, ou seja, em que medida lhes revela sua bondade de modo perceptível e os beneficia. Esses o têm em alta estima, são alegres, cantam e louvam, enquanto dura esse sentimento. Quando porém, Deus se oculta e retira o resplendor de sua bondade deixando-os no desamparo e na miséria, acaba-se também seu amar e louvar, não sendo capazes de amar e louvar a bondade pura e imperceptível como ela se encontra oculta em Deus. Com isso demonstram que seu espírito não se alegrou em Deus, seu Salvador e que não existiu um verdadeiro amar e louvar da pura bondade de Deus. Demonstram mais prazer na salvação do que no Salvador, mais nos dons do que no doador, mais na criatura do que no Criador, pois não são capazes de permanecer iguais na abundância e na carência, na riqueza e na pobreza. Como diz Paulo:

Não digo isto por causa de necessidade, porque já aprendi a contentar-me com as circunstâncias em que me encontre.
(Filipenses 4:11)

(Martinho Lutero)

Leitura bíblica - dia 176

Deuteronômio 19

Deus determina que sejam separadas três cidades de refúgio na parte central da Terra Prometida, para que, aquele que matar alguém,  tenha onde se refugiar. 

Como assim???!!!

Este é o caso em que um homem que matar outro poderá fugir para lá para salvar a vida: se matar o seu próximo sem intenção, sem que houvesse inimizade entre eles.
Por exemplo, se um homem for com o seu amigo cortar lenha na floresta e, ao levantar o machado para derrubar uma árvore, o ferro escapar e atingir o seu amigo e matá-lo, ele poderá fugir para uma daquelas cidades para salvar a vida.
Do contrário, o vingador da vítima poderia persegui-lo enfurecido e alcançá-lo, caso a distância fosse grande demais, e poderia matá-lo, muito embora este não merecesse morrer, pois não havia inimizade entre ele e o seu próximo.
(Deuteronômio 19:4-6)

Provérbios 21

30 valiosos provérbios.  Leia todos.

Filipenses 3

O Evangelho verdadeiro é sempre o mesmo. O tempo passou, as tecnologias evoluíram, mas o homem continua o mesmo. Deus continua o mesmo. Há atualmente na cristandade, uma busca desenfreada pela novidade. De tempos em tempos surgem "novas revelações" ou novas táticas e estratégias de se atrair as pessoas.  Conversamos recentemente com dois experientes pastores de diferentes cidades e eles relataram ter visto várias modinhas surgirem e desaparecerem dentro da igreja,  deixando um rastro de gente confusa e decepcionada.
Aqui, Paulo nos dá uma importante lição sobre isso:

Finalmente, meus irmãos, alegrem-se no Senhor! Escrever-lhes de novo as mesmas coisas não é cansativo para mim e é uma segurança para vocês.
Cuidado com os “cães”, cuidado com esses que praticam o mal, cuidado com a falsa circuncisão!
(Filipenses 1:1-2)

Perceba como os assuntos estão ligados: de um lado o verdadeiro Evangelho - sempre o mesmo.

De outro os "cães", representando os falsos mestres.

Leitura bíblica - dia 175

Deuteronômio 18

O capítulo começa discorrendo sobre a herança e os direitos dos sacerdotes e dos levitas.
Segue tratando como abomináveis,  pessoas que fazem prognósticos ou adivinham o futuro. Existe gente assim na cristandade hoje em dia?

Porque estas nações, que hás de possuir, ouvem os prognosticadores e os adivinhadores; porém, quanto a ti, o Senhor teu Deus não te permitiu tal coisa.
(Deuteronômio 18:14)

Na sequência, o capítulo traz a promessa que Deus suscitará um grande profeta:

Do meio de seus irmãos lhes suscitarei um profeta semelhante a ti; e porei as minhas palavras na sua boca, e ele lhes falará tudo o que eu lhe ordenar.
(Deuteronômio, 18:18)

Ao mesmo tempo, Deus ordena punições para os falsos profetas:

Mas o profeta que tiver a presunção de falar em meu nome alguma palavra que eu não tenha mandado falar, ou o que falar em nome de outros deuses, esse profeta morrerá.

Quando o profeta falar em nome do Senhor e tal palavra não se cumprir, nem suceder assim, esta é a palavra que o Senhor não falou; com presunção a falou o profeta; não o temerás.
(Deuteronômio 18:20 e 22)

Provérbios 20

Trinta provérbios variados.

Filipenses 2

-Exortação ao amor fraternal e à humildade
-O exemplo cristão na humilhação
-O aperfeiçoamento que provém da salvação
-Paulo e seus companheiros Timóteo e Epafrodito

Leitura bíblica - dia 174

Deuteronômio 17

O capítulo começa alertando aos israelitas para que não apresentem animais imperfeitos ao sacrifício. Claro que isso já fazia menção a Cristo, o Cordeiro de Deus. O sacrifício do perfeito para o perdão dos pecados dos imperfeitos.

Enquanto isso, Deus continuava a disciplinar seu povo com rigor, decretando a morte aos idólatras.

...então levarás às tuas portas o homem, ou a mulher, que tiver cometido esta maldade (servir a outros deuses), e apedrejarás o tal homem, ou mulher, até que morra.
(Deuteronômio 17-5)

O capítulo traz ainda instruções para no caso de, futuramente, o povo optar por levantar um rei, a exemplo de outras nações. Isso aconteceria depois de 400 anos, com a nomeação de Saul.  Uma das instruções chama a atenção:

(O rei) não multiplicará para si mulheres, para que o seu coração não se desvie
(Deuteronômio, 17:17)

Ora, foi justamente isso que aconteceu a Salomão, o maior dos reis de Israel.

Tinha Salomão setecentas mulheres, princesas, e trezentas concubinas; e suas mulheres lhe perverteram o coração. Pois sucedeu que, no tempo da velhice de Salomão, suas mulheres lhe perverteram o coração para seguir outros deuses; e seu coração já não era perfeito para com o Senhor seu Deus, como fora o de Davi, seu pai.
(1 Reis 11:3-4)

Provérbios 19

29 provérbios sobre variados temas.

Filipenses 1

Esta carta escrita por Paulo e Timóteo, é uma das favoritas entre muitos cristãos, principalmente por sua franqueza.

Verdade é que alguns pregam a Cristo até por inveja e contenda, mas outros o fazem de boa mente,estes por amor, sabendo que fui posto para defesa do evangelho; mas aqueles por contenda anunciam a Cristo, não sinceramente, julgando suscitar aflição às minhas prisões.
Mas que importa? contanto que, de toda maneira, ou por pretexto ou de verdade, Cristo seja anunciado, nisto me regozijo, sim, e me regozijarei;
(Filipenses 1:15-18)

Leitura bíblica - dia 173

Deuteronômio 16

Instruções sobre festividades como a Páscoa, Festa das Semanas e Festa dos Tabernáculos. Instruções também sobrea função dos juízes e advertência contra a idolatria.

Provérbios 18

24 importantes provérbios com temas variados.

Efésios 6

No último capítulo da carta,  temos preciosos ensinos na relação pais-filhos:

Vós, filhos, sede obedientes a vossos pais no Senhor, porque isto é justo.
(Efésios 6:1)

E vós, pais, não provoqueis à ira vossos filhos, mas criai-os na disciplina e admoestação do Senhor.
(Efésios 6:4)

Na relação patrão-empregado:

Vós, servos, obedecei a vossos senhores segundo a carne, com temor e tremor, na sinceridade de vosso coração, como a Cristo
(Efésios 6:5)

E vós, senhores, fazei o mesmo para com eles, deixando as ameaças, sabendo que o Senhor tanto deles como vosso está no céu, e que para com ele não há acepção de pessoas.
(Efésios 6:9)

A partir do versículo 10, Paulo compara a fé e a vida devota do cristão, a uma armadura de guerra contra as ciladas do inimigo.

Leitura bíblica - dia 172

Deuteronômio 15

Está escrito:

Sempre haverá pobres em sua terra. Por isso te ordeno que abra sua mão para os teus pobres e irmãos necessitados
(Deuteronômio 15:11)

Deus ainda ordenou-lhes de modo muito rigoroso que não deixassem ninguém chegar ao ponto de ter de mendigar:

Contudo não haverá entre ti pobre algum
(Deuteronômio 15:4)

Ora, se Deus ordenou isso no Antigo Testamento, quanto mais deveríamos nós cristãos assumirmos o compromisso de, não apenas não deixar ninguém passar necessidade ou mendigar, mas além disso estarmos dispostos a entregar tudo que nos queiram tirar a força.
(Martinho Lutero)

Provérbios 17

28 provérbios variados

Efésios 5

Vós, mulheres, submetei-vos a vossos maridos, como ao Senhor;

Vós, maridos, amai a vossas mulheres, como também Cristo amou a igreja, e a si mesmo se entregou por ela.
(Efésios, 5:22 e 25)

Com isso o apóstolo Deixa suficientemente claro, que o matrimônio é um estado divino, agradável a Deus, porque o próprio Deus ou instituiu. Além disso, toma-o por exemplo e modelo do casamento espiritual no qual se deve reconhecer seu amor e sua vontade para conosco e no qual todos nós nos devemos espelhar diariamente. De modo especial, os cônjuges devem, no trato de um para com o outro, seguir esse modelo em seu estado matrimonial.

Leitura bíblica - dia 171

Deuteronômio 14

Certamente você, assim como eu, já ouviu longas pregações sobre dízimos.  Mas sinceramente eu duvido que alguém tenha te ensinado ou incentivado a proceder da maneira como este capítulo instrui:

E, perante o Senhor teu Deus, no lugar que escolher para ali fazer habitar o seu nome, comerás os dízimos do teu grão, do teu mosto e do teu azeite, e os primogênitos das tuas vacas e das tuas ovelhas; para que aprendas a temer ao Senhor teu Deus por todos os dias.

Mas se o caminho te for tão comprido que não possas levar os dízimos, por estar longe de ti o lugar que Senhor teu Deus escolher para ali por o seu nome, quando o Senhor teu Deus te tiver abençoado; então vende-os, ata o dinheiro na tua mão e vai ao lugar que o Senhor teu Deus escolher.

E aquele dinheiro darás por tudo o que desejares, por bois, por ovelhas, por vinho, por bebida forte, e por tudo o que te pedir a tua alma; comerás ali perante o Senhor teu Deus, e te regozijarás, tu e a tua casa.
(Deuteronômio 14:23-26)

Provérbios 16

33 provérbios variados

Efésios 4

Não pode acontecer que a vida do Cristão seja ociosa e sem obra a favor de seus próximos. Nada disso porém, lhe é necessário para a justiça e a salvação. Por isso a pessoa deve em todas as suas obras, estar orientada por esta ideia e visar somente isto: servir a outros e ser-lhes útil em tudo que faz, nada tendo em vista senão a necessidade e a vantagem do próximo. Pois assim nos ordena o apóstolo em Efésios 4:28 que trabalhamos com as mãos para disso dar ao que tem necessidade. Ele não diz "para com isso nos alimentarmos a nós mesmos" e sim, para dar ao que tem necessidade. Nesse mesmo sentido, também é preciso cuidar do corpo, para que por meio de seu vigor e bem-estar, possamos trabalhar, adquirir bens e preservá-los para subsídio daqueles que têm carência, para que assim o membro robusto sirva ao membro fraco, e sejamos filhos de Deus, um preocupado e trabalhando pelo outro, carregando os fardos uns dos outros e assim cumprindo a lei de Cristo.
(Martinho Lutero)

Leitura bíblica - dia 170

Deuteronômio 13

Deuteronômio é um dos primeiros livros bíblicos, escrito há milhares de anos atrás, mas já alerta sobre a ação dos falsos profetas que anunciam um deus alheio às Escrituras.

...não ouvireis as palavras daquele profeta, ou daquele sonhador; porquanto o Senhor vosso Deus vos está provando, para saber se amais o Senhor vosso Deus de todo o vosso coração e de toda a vossa alma.
(Deuteronômio 13:3)

Percebemos aqui, dois pontos sempre presentes no estudo da Bíblia: a soberania de Deus e a responsabilidade humana. O versículo acima deixa claro que o falso profeta é levantado pelo próprio Deus, para provar o amor dos fiéis.  Mas vemos a seguir,  que este fato não isenta o falso profeta da sua culpa:

E aquele profeta, ou aquele sonhador, morrerá, pois falou rebeldia contra o Senhor vosso Deus, que vos tirou da terra do Egito e vos resgatou da casa da servidão, para vos desviar do caminho em que o Senhor vosso Deus vos ordenou que andásseis; assim exterminareis o mal do meio vós.
(Deuteronômio, 13:5)

O capítulo continua com outra instrução aos israelitas, no caso de alguém próximo, o cônjuge, o filho, amigo ou parente, incitar ou sugerir adoração a outro deus.

não consentirás com ele, nem o ouvirás, nem o teu olho terá piedade dele, nem o pouparás, nem o esconderás, mas certamente o matarás; a tua mão será a primeira contra ele para o matar, e depois a mão de todo o povo; e o apedrejarás, até que morra, pois procurou apartar-te do Senhor teu Deus, que te tirou da terra do Egito, da casa da servidão.
(Deuteronômio 13:8-10)

Pobre Smilingüido!

Provérbios 15

33 provérbios com temas variados.

Efésios 3

...que Cristo habite pela fé nos vossos corações, a fim de que, estando arraigados e fundados em amor, possais compreender, com todos os santos, qual seja a largura, e o comprimento, e a altura, e a profundidade, e conhecer o amor de Cristo, que excede todo o entendimento, para que sejais cheios até a inteira plenitude de Deus.
(Efésios 3:17-19)

Leitura bíblica - dia 169

Deuteronômio 12

São estes os estatutos e os preceitos que tereis cuidado em observar na terra que o Senhor Deus de vossos pais vos deu para a possuirdes por todos os dias que viverdes sobre a terra.
(Deuteronômio 12:1)

A isso, segue a ordem para que, após tomarem posse da terra prometida, os israelitas destruam tudo o que serviu de culto aos falsos deuses, sejam templos, altares, imagens, objetos. Depois disso, a orientação de Deus é para que não lhe prestem culto da forma que quiserem, mas da forma como Ele eatabelece.

Não fareis conforme tudo o que hoje fazemos aqui, cada qual tudo o que bem lhe parece aos olhos.
Tudo o que eu te ordeno, observarás; nada lhe acrescentarás nem diminuirás.
(Deuteronômio, 12:8 e 32)

Provérbios 14

35 provérbios com temas variados

Efésios 1

É apenas a introdução da carta, e já vem com um conteúdo teológico impressionante.

Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o qual nos abençoou com todas as bênçãos espirituais nas regiões celestes em Cristo; como também nos elegeu nele antes da fundação do mundo, para sermos santos e irrepreensíveis diante dele em amor; e nos predestinou para sermos filhos de adoção por Jesus Cristo, para si mesmo, segundo o beneplácito de sua vontade,
(Efésios 1:3-5)

Você já ouviu falar que o selo do Espírito Santo se manifesta através de um dom? É verdade, mas não da forma como ensinaram para você. O dom que, de acordo com a Bíblia, é a garantia da nossa salvação,  é o dom da fé:


...no qual também vós, tendo ouvido a palavra da verdade, o evangelho da vossa salvação, e tendo nele também crido, fostes selados com o Espírito Santo da promessa, o qual é o penhor da nossa herança, para redenção da possessão de Deus, para o louvor da sua glória.
(Efésios 1:13-14)

Leitura bíblica - dia 168

Deuteronômio 11

Exortação à obediência a Deus.

Provérbios 13

Provérbios sobre temas diversos.

Gálatas 6

Chegamos ao último capítulo desta pequena, mas importantíssima carta. Extremamente atual e apropriada para os cristãos de hoje. Talvez seu pastor repita sempre o versículo 6, mas este capítulo vai muito além disso.
Os versículos de 1 a 10 às vezes lembram o livro de Provérbios.

Se alguém se considera alguma coisa, não sendo nada, engana-se a si mesmo.
(Gálatas 6:3)

A partir do versículo 11 temos um bom exemplo do Soli Deo Gloria.
Ainda usando o exemplo da circuncisão, Paulo condena aqueles que defendem a salvação por obras e religiosidade. Sabe aqueles caras que se gloriam por "ganhar almas para Jesus" ? Veja a semelhança:

Pois nem mesmo os que praticam a circuncisão obedecem à lei. Porém eles querem que vocês se circuncidem para que eles possam se gabar de terem colocado o sinal da circuncisão no corpo de vocês.
(Gálatas 6:13)

Leitura bíblica- dia 167

Deuteronômio 10

Moisés relembra a passagem de Êxodo 34, quando Deus reescreveu as tábuas da Lei, já que as primeiras tinham sido quebradas por Moisés, quando este irou-se ao ver o povo adorando a escultura de um bezerro (Êxodo 32). O capítulo ainda recorda a morte de Arão e a vocação dos levitas para o sacerdócio. Traz ainda uma exortação à obediência (versículos 12 à 22)

Provérbios 12

Este capítulo traz 28 provérbios com temas diversos.

Gálatas 5

O tema agora é a circuncisão.  O povo queria porque queria fazer algo para merecer a salvação. A salvação não se compra, nem com atos, nem com dinheiro. Ela é dada,  gratuitamente, a todo o que crê em Cristo. Paulo diz que aquele que se circuncidar, fica obrigado a cumprir toda a lei. É o que Tiago diz em sua carta:

Pois qualquer que guardar toda a lei, mas tropeçar em um só ponto, tem-se tornado culpado de todos.
(Tiago 2:10)

Ambos os escritores estão dizendo ser impossível cumprir a Lei de Deus. Jesus é o nosso substituto porque ele, não tendo pecado em sua natureza, por ser o próprio Deus (João 1:1-3 e 1:14) foi o único capaz de cumprir a lei, amando ao Pai sobre todas as coisas e ao próximo como a si mesmo. Você quer mesmo tentar fazer valer as suas próprias obras, para completar a obra de Cristo?

Vocês, que procuram ser justificados pela Lei, separaram-se de Cristo; caíram da graça.
(Gálatas 5:4)

Leitura bíblica -dia 166

Deuteronômio 9

Moisés relembra o povo sobre o socorro divino, sobre a infidelidade dos próprios israelitas com relação a Deus, e intercede por eles.

Lembra-te dos teus servos, Abraão, Isaque e Jacó; não atentes para a dureza deste povo, nem para a sua iniqüidade, nem para o seu pecado;
(Deuteronômio 9:27)

Provérbios 11

Está escrito que os mandamentos de Deus são justificados em e por si mesmos,  não por outra ajuda externa.  Da mesma forma,  diz o sábio a respeito da sabedoria de Deus:

Quando vem a soberba, então vem a desonra; mas com os humildes está a sabedoria.
(Provérbios, 11:2)

É muito ridículo querer defender a Palavra de Deus com nossa razão, se devemos nos defender de todos os inimigos através da Palavra de Deus (Efésios 6:17). Não seria um grande idiota quem, na luta, quisesse proteger a sua armadura e espada com a mão ou cabeça descoberta?  O mesmo acontece quando queremos proteger a lei de Deus,  que é o nosso armamento,  com a nossa razão.
(Martinho Lutero)

Gálatas 4

Vamos começar este quarto capítulo,  lembrando do que Paulo disse no primeiro:

Pois busco eu agora o favor dos homens, ou o favor de Deus? ou procuro agradar aos homens? se estivesse ainda agradando aos homens, não seria servo de Cristo.
(Gálatas, 1:10)

Agora, outra vez, Paulo declara que o povo não está agradado em ouvir a verdade:

Tornei-me acaso vosso inimigo, porque vos disse a verdade?
(Gálatas, 4:16)

A verdade do Evangelho desagrada ao homem,  porque quebra o seu ego. Mostra que ele não pode salvar a si próprio. Por mais que o nosso esforço seja árduo e penoso, ele não vale nada para Deus, no que diz respeito à salvação. A única coisa que vale é a obra de Cristo. A nós só resta crer, e mesmo isso nos é dado por iniciativa de Deus (Efésios 2:8).

Mas os crentes da Galácia,  assim como muitos de nosso tempo,  procuravam se justificar pelas obras.

Paulo compara as duas alianças (lei e graça) com as duas mulheres de Abraão:

Antiga Aliança (lei)= Agar (escrava)
Seus descendentes são escravos.

Nova Aliança (graça)=Sara (esposa)
Seus descendentes são os da promessa.

Ora vós, irmãos, sois filhos da promessa, como Isaque. Mas, como naquele tempo o que nasceu segundo a carne perseguia ao que nasceu segundo o Espírito, assim é também agora. Pelo que, irmãos, não somos filhos da escrava, mas da livre.
(Gálatas 4:28-31)

Leitura bíblica - dia 165

Deuteronômio 8

Deus relembra o povo de tudo o que Ele fez durante 40 anos de peregrinação no deserto, para que,  depois de tomarem posse da terra prometida, não se esqueçam ou vangloriem-se das conquistas.

Sucederá, porém, que, se de qualquer maneira te esqueceres de Senhor teu Deus, e se seguires após outros deuses, e os servires, e te encurvares perante eles, testifico hoje contra ti que certamente perecerás. Como as nações que o Senhor vem destruindo diante de vós, assim vós perecereis, por não quererdes ouvir a voz do Senhor vosso Deus.
(Deuteronômio 8:19-20)

Provérbios 10

Este capítulo traz contrastes entre o justo e o perverso.

Gálatas 3

Só isto quero saber de vós: Foi por obras da lei que recebestes o Espírito, ou pelo ouvir com fé?
Sois vós tão insensatos? tendo começado pelo Espírito, é pela carne que agora acabareis?
(Gálatas 3:2-3)

Já falamos sobre isso aqui. Os dois ministérios simbolizando as duas alianças: a carne representando a salvação por obras da lei (antiga aliança) e o Espírito simbolizando o Evangelho,  ou seja,  a salvação pela graça através de Cristo (nova aliança)

Leitura bíblica - dia 164

Deuteronômio 7

Os israelitas estão prestes a tomar posse da terra prometida e Deus lhes promete vitória absoluta contra os povos.  Mas adverte:

Quando o Senhor teu Deus as tiver entregue, e as ferires, totalmente as destruirás; não farás com elas pacto algum, nem terás piedade delas; não contrairás com elas matrimônios; não darás tuas filhas a seus filhos, e não tomarás suas filhas para teus filhos; pois fariam teus filhos desviarem-se de mim, para servirem a outros deuses; e a ira do Senhor se acenderia contra vós, e depressa vos consumiria.
(Deuteronômio 7:2-4)

Provérbios 9

-A Sabedoria hospitaleira
-Provérbios contra zombadores
-A insensatez tenta se passar por sabedoria

Gálatas 2

Sabendo, contudo, que o homem não é justificado por obras da lei, mas sim, pela fé em Cristo Jesus, temos também crido em Cristo Jesus para sermos justificados pela fé em Cristo, e não por obras da lei; pois por obras da lei nenhuma carne será justificada.
(Gálatas 2:16)

Depois que ensinamos a fé em Cristo, ensinamos também a respeito das boas obras. Visto que te apropriaste pela fé de Cristo, por intermédio de quem te tornaste justo, vai agora e ama a Deus e ao próximo. Invoca a Deus, dai-lhe graças, prega, louva e confessa-o, faze o bem e serve ao próximo, faze o teu dever. Essas são, verdadeiramente, as boas obras que emanam dessa fé e brotam na alegria do coração, porque recebemos gratuitamente remissão dos pecados por causa de Cristo. Definimos pois como cristão, não aquele que não tem ou não sente o pecado, mas aquele a quem Deus não imputa o pecado por causa da sua fé em Cristo. Essa doutrina traz consolo eficaz às consequências verdadeiramente apavorantes.
(Martinho Lutero)